Largo do Chafariz de Dentro : S. Miguel, Alfama :

060711 : 20h : bom tempo ao fim de mais um dia de verão 

20h10 : começaram os preparativos para o primeiro encontro há mesa

escada a cima, escada a baixo, tábua, cavaletes, pratos, copos, talheres, e deliciosos ingredientes começaram a preencher a longa mesa que, desta vez, se instalou no Largo onde encontramos o mais antigo chafariz de Lisboa, o Largo do Chafariz Dentro outrora conhecido como Chafariz dos Cavalos. Segundo consta nos relatos de Fernão Lopes as bicas de bronze com forma de cabeças de cavalo que serviam o chafariz foram roubadas por tropas Castelhanas e, a partir de então, o Chafariz passou a ser designado Chafariz de Dentro devido à sua situação geográfica, ainda dentro do perímetro das muralhas fernandinas.

Olhares curiosos comentários acolhedores das gentes d’Alfama aqueceram aquela fresca noite de verão em que pela primeira vez nos juntámos para partilhar um jantar entre amigos e vizinhança, num dos belos, mas pouco utilizados, largos de Lisboa.

Saladas com ingredientes das nossas hortas serviram de mote para este primeiro encontro gastronómico urbano que tem também como intenção celebrar os produtos da época.

<Receitas do há mesa no Largo do Chafariz de Dentro>

Molho de iogurte para acompanhar as saladas

: 3 iogurtes, 2 dentes de alho, sumo de meio limão, pimenta preta qb :

picar os dentes de alho miudinho, e adicionar aos iogurtes, mexer tudo muito bem, espremer o sumo de meio limão e aprimorar com pimenta preta moída. todos os ingredientes bem misturados e está pronto um molho cremoso para acompanhar saladas e afins. (M.F.)

Pão (tipo) pita condimentado

: farinha de trigo (a olho), farinha de trigo integral (a olho), azeite virgem (a olho), flor de sal qb, pimenta cayenne qb, oregãos secos (a olho), cuminho (a olho), cebolinho (a olho), dentes de alho picados qb, água morna qb :

misturar as duas farinhas com as mãos, adicionar o sal, pimenta cayenne, oregãos, cuminho e dentes de alho picado, misturar bem os ingredientes secos. adicionar o azeite e o cebolinho cortado às rodelas fininhas. após bem misturados todos os ingredientes ir, aos poucos, adicionando água morna até que a massa ganhe uma certa elasticidade. deixar repousar. enquanto se deixa aquecer uma frigideira sem gordura vai-se estendendo a massa com o rolo até formar círculos com um diâmetro de cerca de 10-12 centímetros. um a um, colocar os círculos de massa na frigideira e ir virando para não deixar queimar. acompanhar como o molho de iogurte e salada, a gosto. (LA)

O jantar decorreu sobre uma brisa fresca no simpático largo, na companhia de amigos e vizinhos do bairro.


Advertisements